As velas ardem até ao fim…

Escrevi este post há tempos e tinha-o aqui nos rascunhos. Não sabia se o havia de publicar. Gosto de partilhar coisas alegres, mas a vida é vivida porque se vive um pouco de tudo. Aqui vai.
……………………….

Nas minhas deambulações pelos livros, ao espreitar na minha estante, este livro puxou a minha mão e eu agarrei-o. Apercebi-me ainda mais do seu valor. É um livro que nos diz algo de novo cada vez que o lemos. Num enquadramento histórico da situação da Europa no início do século XX, tem um discurso sobre amizade fabuloso, solitário e acutilante e que nos faz pensar, questionar, sentir uma empatia e ao mesmo tempo um desconforto porque nos relacionamos. Eu relacionei-me. Ao reler algumas partes senti e soube que é um livro ao qual não se fica indiferente! Melhor! Espreitei, olhei, vi, reli e sorri para dentro. Ao folheá-lo parei na página que tinha escrito em palavras o que me ia na alma e achei tão curioso. Dizem que os livros nos escolhem… Daqueles livros todos foi o que me escolheu naquele momento. Percebi porquê.


“As velas ardem até ao fim” de Sándor Márai da Dom Quixote.

… O segredo é isso!
Bom fds!
Advertisements

0 Responses to “As velas ardem até ao fim…”



  1. Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s




categorias

Arquivo

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Join 1 other follower

October 2008
M T W T F S S
« Sep   Nov »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

%d bloggers like this: